21 de janeiro de 2014

A Última Vez!


Ainda era fim de tarde, mas a lua já estava no céu. Iluminada pelos raios de um sol que estava acabando de se pôr. Fiquei da janela observando, deixando meu olhar vagar por aquela imensidão azul. Mal percebi que os pensamentos invadiam minha cabeça, trazendo e levando lembranças, até que me peguei pensando em você.

Quem iria imaginar que tudo começaria ali. Dois colegas de classe que nem se falavam e mal conheciam um ao outro. Lembro que de vez em quando trocávamos olhares e muito por acaso um oi, mas era só isso. Até que uma coisa foi levando à outra. Os olhares passaram pra risadas e os “oi” pra conversas jogadas fora. Nos tornamos amigos a ponto de dividir segredos. Como da vez que te contei do meu primeiro beijo e você quis ouvir cada detalhe, me interrompendo apenas pra fazer uma brincadeira falando que se tivesse sido com você, teria sido mais especial. Nem percebi o que estava escondido por trás dessas palavras, eu estava tão iludida com um idiota, que nem enxerguei o que estava bem diante dos meus olhos – como eu fui boba! Mas mesmo assim você sempre continuou do meu lado, e sua presença, sua voz, seu abraço, tudo em você me fazia tão bem que passei a te ver com outros olhos. Foi inevitável e sem volta. Acabei me apaixonando por cada detalhe seu.

Lembro daquela vez em que você se sentou numa cadeira na minha frente naquela aula chata de matemática fingindo que queria ajuda em um problema só pra ficar perto de mim. Você e eu ficamos tão perdidos no olhar um do outro que não trocamos uma palavra sequer, e eu envergonhada abaixei minha cabeça e me ocupei com qualquer coisa. Você puxou o meu caderno e escreveu algo que eu não consegui ver, mas logo depois me devolveu e eu fiquei sem palavras ao ler um “eu amo você” numa letra pequena e garranchosa, mas ao mesmo tempo tão bonita escrita ali. Fique tão sem ação que apenas sorri feito uma boba. E o que dizer sobre quando você me chamou de “amor”? Foi a melhor coisa que ouvi até hoje. Minha vontade era de te falar tudo que eu sentia, mas sempre me faltavam as palavras – ou talvez a coragem. Em vez disso me permitia ser levada em seus braços, abraçada com força, desejando ficar aninhada ali para sempre.

E aquela vez em que numa sala de aula vazia você chegou em mim. Não precisou dizer nada porque bastou olharmos nos olhos um do outro para que em cada rosto surgisse um sorriso e depois só me lembro de estar perdida em seu beijo. Você nem imagina como tinha ansiado por aquilo.

Porém, tudo mudou depois desse dia, coisas inesperadas foram acontecendo e a gente se afastou. Mas mesmo assim bastou ficarmos sozinhos por um momento pra tudo ser esquecido. Lembro que estava na casa da minha amiga, você chegou lá e me chamou pra conversar. Foi só ver você, pra ficar sem voz, sem ar e sem chão. Foi como se tudo tivesse sido apagado, todas as mágoas e tudo ao nosso redor.  Era como se fossemos apenas você e eu. Nos olhamos com urgência e um minuto depois me vi passando a mão pelo seu pescoço e aproximando meu rosto ao seu. Era impossível resistir. Eu estava com tanta saudade do seu beijo, do seu abraço, do seu sorriso, do seu cheiro, de você! Mas infelizmente tudo acabou ali, com aquela despedida. Quem sabe teria sido diferente se eu tivesse dito tudo o que eu sentia. Talvez agora estivéssemos juntos, ou talvez não. Isso nunca vamos chegar a saber. Mas a vida é assim, o que não for pra ser, não vai ser. Mesmo que a gente queira. E é isso, acho que agora já seja tarde demais pra nós. Aquela foi a última vez, e se eu soubesse disso teria te abraçado mais forte.

24 comentários :

  1. lindo texto ,adorei
    http://daianeoliveirablog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. adorei o texto :')
    http://www.geysecofferri.com/

    ResponderExcluir
  3. Você escreve muito bem,adorei o texto.Mesmo.
    Beijos http://modernaatrevida.blogspot.com.br/ ♥

    ResponderExcluir
  4. Oiii sua linda entrei no seu blog por caso e te digo amei as dicas os post tudo ai vou marca visita aqui sempre pode ter certeza disso colega<3

    Beijos uma ótima semana sucesso você merece!!!!
    De uma passadinha no meu blog depois estou te seguindo e logico amiga rs ♥

    http://politcamenteincorreta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Adorei o blog
    bjs

    Cris Barros e sua nova coleção

    http://bit.ly/LP7pQi
    http://www.facebook.com/one1forall
    @1_forall

    ResponderExcluir
  6. O que eu posso dizer né é o amor u.u

    bissous,
    http://raahamour.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Antes de tudo, uma perguntinha: esse texto é verídico dona Gabriela? hahah conta aí! Eu adooro textos fofinhos assim de amor! Acho que é porque eu nunca tive uma história assim ou parecida... Mas sempre quis conhecer alguém, ir me apaixonando aos poucos e ser correspondida. Pena que às vezes as coisas acabam com uma despedida, né? Mas mesmo que seja uma despedida, que seja um "até logo" e não necessariamente um "adeus", afinal essa vida surpreende tanto a gente... a gente vive se desprendendo e reencontrando pessoas. Eu pelo menos tenho sentido cada vez mais isso haha
    xoxo

    s2juuh.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se é verídico? Total e completamente .. ><

      Excluir
  8. texto maravilhoso!
    beijos
    http://blogdabellas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Lindo mesmo!!!
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. o meu deus que texto mais lindo super profundo com um toque de paixão amei
    http://descrevendonuvem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Você escreve muito bem, nunca tinha visto seu blog e esses texto, acabei de conhecer e já amei! ♥

    pequenos-exageros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Adorei o seu texto e seu blog muito lindo.
    Te seguindo se der segue de volta?
    www.blogsdegirl.blogspot.com.br
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Engraçado que eu esqueci uma coisa parecida dia desses. Apesar de eu sempre postar coisas verídicas e falar o que sinto, essa semana eu tentei realmente transparecer tudo que a alma sentia no papel. Deu coisa, viu! E acho que se tivesse me permitido, escreveria muito mais. Entretanto, não tive a coragem que você teve de mostrar assim mihas memórias e saudades ): admiro por você tê-lo feito!
    Muito obrigada por todo carinho e atenção em seus comentários. É difícil hoje em dia encontrar alguém que realmente se importe e não deseje apenas comentários vãos em troca. Você é rara, parabéns!

    beijo

    ResponderExcluir
  14. Faz um livro flôr ! rs E eu serei a primeira a comprar !!

    - meunomeesozinha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Lindo texto amiga :'(

    Beijos , http://sdviver.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Amei o texto, mais que uma inspiração! Beijos!

    http://asagadagarotaimperfeita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Concordo, mais que inspiração mesmo, lindo.

    tudodiferentecomsamaralima.blogspot.com.br/
    Instagram: @samaralima_03

    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. aaain que lindoooo >.< paraaabeeeens
    adoroo ler textos assim , e muito minha caraaa*-*
    beeeijoooos Lay,

    www.layanasouza.com
    https://www.facebook.com/pages/Layana-Souza-Blog/299847980025537?ref=hl

    ResponderExcluir
  19. Nossa que texto mais lindo :(

    http://dallyse.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Que texto lindo, você escreve muito bem. Ate fiquei sem palavras para falar sobre ele, rs

    http://leitecombiscotos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Adorei o texto, você escreve muito bem, parabéns.

    memorias-de-um-inverno.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Meu Deus, eu detesto despedidas, ainda mais quando as despedidas são fofinhas. São desprezíveis, porque depois ficamos nos lembrando dessas mesmas lembranças.
    Gostei demais do seu post, viu, moça?
    Cada palavra sua me lembra de alguma lembrança minha.
    http://www.diarioruivo.com/

    ResponderExcluir

- Leia a página FAQ e outras páginas internas antes de perguntar qualquer coisa.
- Comentários do tipo "seguindo, segue de volta" serão ignorados se não tiverem uma opinião sobre o post em si.
- Deixe o url do seu blog para que possamos retribuir a visita.
- Caso precise (vivendoforadeserie@hotmail.com )
- Sua opinião é sempre bem vinda. Aceitamos críticas desde que sejam construtivas. Fique a vontade pra comentar, mas seja educado!